“Gostaria de saber se existe um treino de força pura de curta duração, pois o que eu conheço consiste em cinco series de 1‑4 repetições para cada grupo muscular e com descanso entre series de 3‑5 minutos, sendo um exercício para
cada grupo, preferencialmente composto.

Treino três vezes por semana e dividia o treino em A e B (parte da frente e parte de trás do corpo) e ficava cerca de duas horas na academia em cada treino.

Obrigado.” – Pedro

 

Resposta: Prof. Eugênio Koprowski
Prof. Eugenio KoprowskiTreinamentos de força existem muitos e variam de acordo com o objetivo de cada um. Qual é o seu?

Normalmente, o treino de força enfatiza os movimentos bi ou multiarticulares, como os levantamentos de peso Olímpico (Arranco e Arremesso), ou os movimentos de força pura (Powerlifting), Agachamento, Supino e Levantamento Terra.

Outros exercícios são programados como coadjuvantes, mas são sempre os básicos e de preferência com pesos livres. Existem inúmeras programações possíveis, mas raramente se usam uma ou duas repetições, pois geralmente os multiarticulares e principais têm séries com repetições de 3 a 5 e intervalos maiores para recuperação, algo em torno de 2 a 3 minutos. Já os auxiliares, têm repetições mais altas, em torno de oito, com intervalos menores do que dois minutos.

O treino pode ter a duração que você quiser, bastando controlar o número de exercícios, séries, intervalos e divisão do treino. A frequência semanal também pode variar de 2 a 8 sessões. Muitos levantadores e atletas de força costumam fazer duas sessões de meia hora ou 40 minutos por dia, mas apenas em três dias da semana, dando um total de seis treinos com pesos por semana.

Conforme a especialidade esportiva, realizam sessões de alongamento, treinos de técnica e resistência em outros dias.